Escritores, Gatos e Teologia – Waldecy Tenório

Escritores, Gatos e Teologia – Waldecy TenórioLivro reúne ensaios de Waldecy Tenório, que “estavam espalhados por aí” e investiga a literatura, “testemunha da raiz teológica dos problemas humanos”

Ateliê Editorial | Assessoria de Imprensa

A Ateliê Editorial lança Escritores, Gatos e Teologia. Livro traz ensaios escritos por Waldecy Tenório, quase todos nascidos no ambiente universitário, frutos de cursos ministrados na pós-graduação em Ciências da Religião da PUC-SP, na pós-graduação em Letras, na USP, ou na forma de artigos publicados em livros coletivos e em revistas acadêmicas de diferentes universidades. Esses ensaios misturam ficção e não ficção, são variações de um mesmo tema – a literatura –, trazem uma “certa versão dos fatos”, e apresentam um viés interrogativo, próprio de uma investigação que não termina, como se cada ensaio fosse o mesmo ensaio que recomeça ad infinitum. Os ensaios recomeçam, porque, segundo o autor, a escrita é uma das formas de resistir ao sentimento de abandono que nos atormenta.

“Quem passar pelas páginas (deste livro) poderá aprofundar suas perguntas e ampliar suas dúvidas na companhia de autores e personagens como Virgilio e Dante, Dostoiévski e o Grande Inquisidor, Madame Bovary e Thérèse de Lisieux, Proust e Manuel Bandeira, Joyce e Santo Agostinho, Adélia Prado e Hilda Hilst, Riobaldo e o interlocutor cruel que o atormenta, Teilhard de Chardin e Saint-Exupéry, Drummond e Guimarães Rosa, os vagabundos de Beckett e aquela mulher de Sevilha dos poemas de João Cabral. Cada um ao seu modo, todos nos lembrarão o fragmento de Heráclito: “Se não se espera não se encontra o inesperado” e esta frase, vinda da noite dos tempos, é uma chave de leitura deste livro. Isto posto e uma vez que a crítica literária nasce de uma dívida de amor, eu o deposito primeiro em suas mãos, cara leitora, e depois nas suas, hipócrita leitor, meu semelhante, meu irmão…” (Waldecy Tenório)

Waldecy Tenório nasceu em Palmares (PE), estudou Humanidades no Seminário de Olinda, graduou-se em Letras Clássicas e fez o doutorado em Filosofia na Universidade de São Paulo. Professor do Colégio Equipe e do Colégio Santa Cruz, professor na graduação e na pós-graduação da PUC-SP (respectivamente Introdução ao Pensamento Teológico e Literatura e Teologia), assessor de Paulo Freire na Secretaria de Educação de São Paulo, pesquisador do Instituto de Estudos Avançados da USP. É autor de A Bailadora Andaluza: a Explosão do Sagrado na Poesia de João Cabral (Ateliê Editorial / Fapesp), e de O Amor do Herege: Resposta às Confissões de Santo Agostinho (Edições Paulinas), entre outros. Com Plinio Martins Filho organizou O Leitor Insone, uma homenagem ao crítico João Alexandre Barbosa publicado pela Edusp em 2007. Como jornalista, foi editor do caderno Cultura do jornal O Estado de S. Paulo. Apesar de aposentado, continua pesquisando, publicando artigos e resenhas em revistas acadêmicas e na grande imprensa, participando de seminários e ministrando cursos. 

  1 comment for “Escritores, Gatos e Teologia – Waldecy Tenório

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *