Tragédias de Sófocles em oferta no site da Ateliê Editorial

Publicados desde 2022, a coleção já conta com 4 volumes — Ájax, As Traquínias e, os mais recentes, Antígona e Édipo Rei — e terá seus próximos volumes — ElectraFiloctetes e Édipo em Colono — publicados ao longo de 2023. As edições são bilíngues e contam com aparatos teóricos (glossário mitológico e ensaios críticos) para a melhor compreensão da poesia trágica de Sófocles. Saiba mais sobre cada título e acompanhe os lançamentos no site da Ateliê Editorial (clique aqui).

Sófocles (Atenas, 496 a.C. – Atenas, 406 a.C.) é considerado um dos grandes representantes do teatro grego antigo e presenciou o período de maior desenvolvimento cultural de Atenas. Viveu sempre nesta cidade-estado e lá morreu, nonagenário, por volta de 406/405 a.C. É o segundo dos três poetas trágicos canônicos, pois suas obras são posteriores às de Ésquilo e anteriores às de Eurípedes. Foi ainda em vida o mais bem-sucedido autor de tragédias do século V a.C. e os testemunhos antigos atribuem ao autor cerca de 120 tragédias e dramas satíricos, dos quais somente sete tragédias chegaram até nós na íntegra.

CONFIRA AS OFERTAS:

PROMOÇÃO DA COLEÇÃO CLÁSSICOS COMENTADOS

A Ateliê Editorial realiza a promoção da Coleção Clássicos Comentados. As obras-primas como Divina Comédia, de Dante Alighieri, as tragédias de Sófocles, obras completas de Alvarenga Peixoto, François Rabelais, Aleksandr Púchkin, entre outros em oferta no site da editora. Compras acima de R$200,00 podem ser parceladas em 4x sem juros no cartão de crédito. Aproveite, a promoção é por tempo limitada (acesse aqui).

Os clássicos publicados pela Ateliê Editorial são o ponto alto do catálogo. Trazem edições primorosas, apresentações escritas por pesquisadores renomados, textos cotejados com os originais (sempre que possível), notas explicativas e traduções realizadas por alguns dos mais importantes nomes do mercado. Por isso, ajudam efetivamente os estudantes – desde o ensino fundamental – a entrarem em contato com os aspectos mais relevantes de cada obra e a compreenderem a importância de ainda serem estudadas, mesmo tantos anos depois de terem sido escritas.

Deixe uma resposta