Ésio Macedo Ribeiro sobre a obra ‘Presente’: “Eu chamo esse livro como o meu luto pela morte do meu pai”

Ésio Macedo Ribeiro durante o lançamento

Na última quinta-feira, 14 de outubro, a Ateliê Editorial realizou a live de lançamento do livro de poemas Presente, de Ésio Macedo Ribeiro. Além do autor, o encontro contou com a presença dos escritores Antônio Carlos Secchin, Luiz Ruffato e Nicolas Behr, a mediação ficou a cargo do escritor e jornalista Jorge Ialanji Filholini. O evento teve a direção da TGM Produção. Saiba mais sobre a obra (clique aqui e confira).

No início do bate-papo, o editor e professor Plinio Martins Filho destacou: “Quero agradecer ao Ésio que confiou o seu livro em nossa editora e espero que esteja a altura do poeta”.

Durante a conversa, Ésio explicou o processo de criação do livro: “Por incrível que possa parecer, mesmo com toda a dor que eu estava sentindo, no mesmo dia da morte [de seu pai] eu comecei a escrever poemas, continuei por, praticamente, dois anos, foi uma espécie de luto, eu chamo esse livro como o meu luto pela morte do meu pai”. Ele acrescentou: “Depois eu vim trabalhando o livro durante muito tempo. Eu preferi manter a sequência de escrita dos poemas para que o leitor compreenda o que eu passei, o que eu vi e o que eu lembrei”.

Assista ao lançamento na íntegra abaixo:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *