Tag Archive for literatura de cordel

Salvações no Nordeste – Política e Participação Popular, de Flávia Borges Pereira

Salvações no NordesteLivro utiliza a literatura de cordel para entender as transformações sociais do Nordeste

No próximo dia 23 de março, sexta-feira, da 19h00 às 22h00, na Livraria da Vila – Lorena, a Ateliê Editorial lança o livro Salvações no Nordeste – Política e Participação Popular. Escrito por Flávia Borges Pereira, livro utiliza a literatura de Cordel para entender as transformações da sociedade de Pernambuco, Alagoas e Paraíba desde os fins do século XIX. A Livrara da Vila Lorena fica na alameda Lorena, 1731 – Jardins, São Paulo (SP), telefone (11) 3062-1063.

Em sua pesquisa a autora recorreu a uma enorme quantidade de fontes, das mais diversas. Recorreu a jornais, nem sempre facilmente disponíveis, e cujas informações precisam ser analisadas com extremo cuidado, devido ao seu engajamento político ou ideológico. Encontrou dados importantes nos folhetos de literatura de cordel. Por meio desses poemas conseguiu entrelaçar o político e o socioeconômico. Recorreu a bibliografia existente até 1988 para delimitar as Salvações no tempo e no espaço, para poder inserir os vários grupos sociais que são mencionados na literatura de cordel. E também procurou o apoio de teóricos como Paulo Sérgio Pinheiro, Sedi Hirano, Faoro, entre outros, para conseguir explicar as transformações da sociedade de Pernambuco, Alagoas e Paraíba desde os fins do século XIX.

O cenário dos movimentos sociais salvacionistas investigados pela autora assemelha-se a muitos outros: uma aguda crise econômica instalada no Nordeste, associada às transformações políticas dos primeiros tempos do regime republicano. Nesse contexto, a população pobre e urbana foi uma das que mais sofreu. Os embates por ela travados, suas aspirações, dificuldades e resistência às condições adversas da existência encontraram sua voz mais clara na literatura de cordel.

Flávia Borges Pereira é licenciada e mestre em História pela USP. Atualmente é Professora de Arquivologia em cursos especiais do IEB-USP. Há vinte anos dedica-se à sua empresa Tempo e Memória localizada em São Paulo, onde desenvolve projetos de pesquisa de história empresarial, em geral, focadas em complexos empresariais em todo o Brasil.